Portugal

Please select...

Disclosure of payments made to HCPs in Portugal

Cooperation between pharmaceutical companies, regulators, Healthcare Professionals (HCPs), Healthcare Organisations (HCOs) and patients, is essential for the sustainable improvement of healthcare. These relationships have helped deliver numerous innovative new medicines and changed the way many diseases impact on our lives. HCPs have always been and will always remain valuable partners for GSK. As experts in their field, they provide us with first hand scientific and medical knowledge and unique insights into patient care. This partnership is fundamental to the progression of medical science, helping to meet disparate patient and public health needs

Under the EFPIA Disclosure Code, from 2016 EFPIA member companies pledged to disclose the transfers of value they make to HCPs and HCOs in connection with prescription medicines, on an individual named basis (aggregate by exception only). This includes, for example, sponsorship for travel and registration fees to attend medical congresses, HCP consultancy fees for speaker arrangements or for chairing meetings and grants to HCOs. Transfers of value made to HCPs and HCOs for activities related to research and development are disclosed as an aggregate number.

Disclosure information is published annually (covering the previous year) on a public platform; either the company’s own website or, in some countries, a central platform combining data from different companies.

In Portugal, GSK strictly complies with the requirements of Portuguese national law (decree number 176/2006) to continuously publish details of all transfers of value with HCOs and HCPs within 30 working days after any payment is made. These disclosures are published and publicly available on the transparency website of Infarmed (Portugal‘s National Authority of Medicines and Health Products / Infarmed - Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde).

Our disclosures in Portugal via Infarmed include all transfers of value made by GSK to individual HCPs as well as HCOs as required under Portuguese national law. 

Media enquiries: Please contact João Duarte  E-mail: joao.x.duarte@gsk.com Tel:  +351 918699965

Divulgação de pagamentos a Organizações e Profissionais de Saúde em Portugal

A cooperação entre as companhias farmacêuticas e as entidades reguladoras, os profissionais de saúde, as instituições de saúde e as associações de doentes, é essencial para a evolução sustentável do sistema de saúde. Estas sinergias têm permitido desenvolver e disponibilizar diversas inovações terapêuticas e transformado a forma como inúmeras patologias impactam as nossas vidas.

As organizações e os profissionais de saúde sempre foram e continuarão a ser parceiros estratégicos da GSK. Enquanto especialistas nas suas áreas de atuação, fornecem-nos informação médica e científica muito valiosa relativamente às necessidades dos doentes. Estas parcerias são fundamentais para garantir a evolução da ciência médica, ajudando a responder às diferentes necessidades de saúde de pacientes e população em geral.

No seguimento da implementação do Código de Divulgação da EFPIA (European Federation of Pharmaceutical Industries and Associations), de 2016, as companhias associadas da EFPIA comprometeram-se a divulgar as transferências de valor realizadas a organizações e profissionais de saúde, relacionadas com medicamentos sujeitos a receita médica, de forma individual (transferências efetuadas de forma agregada, apenas excecionalmente). Isto inclui, por exemplo, apoio em viagens e registo em congresso médicos, avenças de consultoria para serviços de palestrante ou donativos para organizações de saúde. Transferências de valor para profissionais de saúde ou organizações de saúde relacionadas com atividades de investigação são divulgadas de forma agregada.

As informações relativas à divulgação deste tipo de apoios são publicadas anualmente (referentes ao ano anterior) numa plataforma de acesso público ou no website institucional da própria empresa. Em alguns países, a publicação pode ser feita numa plataforma central, reunindo informações de diferentes empresas.

Em Portugal, a GSK cumpre, de forma rigorosa, os requisitos da lei portuguesa (decreto-lei número 176/2006), que estipula a publicação contínua dos detalhes de todas as transferências de valor, para organizações de saúde e profissionais de saúde, no prazo máximo de 30 dias após o pagamento ter sido efetuado. 

Estas informações são publicadas e disponibilizadas publicamente no website do Infarmed (Autoridade Nacional de Medicamentos e Produtos de Saúde).

As nossas divulgações relativas a Portugal, através do Infarmed, incluem todas as transferências de valor feitas pela GSK para profissionais de saúde individuais e organizações de saúde, conforme exigido pelo enquadramento legal português.

Pedidos de informação de media: João Duarte | e-mail: joao.x.duarte@gsk.com | Tel: +351 918699965

Back to top